N. Roerich - Burning of Darkness
Nicolas Roerich
"Burning of the Darkness"

 

Início


O que é A Grande Invocação

Origem da Grande Invocação

Significado da Grande Invocação

E-mail da Grande
Invocação

Dia Mundial de Invocação

Vigília Dia Mundial de
Invocação

Vigília Dia Internacional
da Paz - 21 de Setembro

Celebração AGI 2011

Reaparecimento do Instrutor

O Instructor - Mestre de
Mestres, Anjos e Homens

O Instrutor e os Ashrams

Meditação para o
Reaparecimento do Cristo

Livro sobre o Reaparecimento

A Rede de Triângulos e AGI

A Rede Iberoamericana
de Triângulos

A Grande Invocação
em outros idiomas


Literatura disponível

A Grande Invocação
Livro de Estudos

Contato

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

----------------

AGI = A Grande Invocação

----------------


Serviço com AGI

Rede Gidgi Brasil
Primeira Etapa

Rede Gidgi Brasil
Segunda Etapa

Como estabelecer um
Nodo de Distribuição

À procura de Novos Nodos

Mapa de Nodos

Lista de Nodos

Suporte financeiro

Meditação para
reorientação monetária

Como são editados os
cartões e pôsteres da GI

Centros de Distribução
permanentes

Origem dos pedidos
da GI pela Internet

Estatísticas de pedidos

Vídeos e pps da LGI

AGI no rádio

AGI nas Meditações
de Plenilúnio

Contato

 

 

 

 

 



 

 

 

                                                                                                                                                            

[ Meditação para o Reaparecimento do Instrutor ]

 

 

Atualmente, muitos indivíduos e grupos em todo o mundo estão empregando regularmente duas meditações especiais, duas meditações “redentoras”. Uma delas é utilizada pelos membros do Novo Grupo de Servidores do Mundo que estão interessados na preparação do caminho para o reaparecimento do Cristo.

Os membros ou núcleos da Rede Gidgi Brasil a realizam todas as quintas-feiras porque está estreitamente relacionada com seu serviço de difundir esse mantra tão especial denominado A Grande Invocação. O reaparecimento do Instrutor do Mundo e o uso da Grande Invocação são as duas faces de uma mesma moeda.

 

Meditação reflexiva sobre a Preparação para o Reaparecimento do Cristo

Sugestões:

1. Sugere-se fazer esta meditação uma vez por semana, toda quinta-feira, no lugar da meditação habitual. Procurar assumir a atitude de aspiração, devoção e intenção fixa (nesta ordem), antes do alinhamento. Para que esta meditação seja o poderoso instrumento que está destinada a ser, os estudantes esotéricos devem realizá-la por meio do coração e da mente.

2. Entre uma quinta-feira e outra, procurar pôr em prática os resultados da reflexão feita nesta meditação. Fazer planos práticos e recapitular as atividades planejadas cada semana ao se preparar para esta meditação, à luz de sua intenção manifestada.

3. Fazer esta meditação de maneira breve e dinâmica. Isto será possível depois de praticá-la várias vezes, esquecendo-se as diversas etapas e deixando-se levar pela sequência e síntese da fórmula

Etapa I:

Depois de alcançar uma quietude positiva da personalidade, formular para si mesmo e com as próprias palavras uma resposta às seguintes perguntas:

1.       Como membro do Novo Grupo de Servidores do Mundo, qual é a minha intenção específica e firme neste momento de dedicado contato com a minha alma?

 

2.       Está o propósito da minha personalidade concentrado e expresso de acordo com a intenção da Hierarquia, até onde me é permitido conhecê-la?

 

3.        Terei eu, na minha vida diária, adquirido o direito de permanecer entre os Servidores que estão agora empreendendo o trabalho de preparação (não pelo êxito alcançado, mas pelo esforço feito)?

Esta é a única vez na meditação em que se pensa em si mesmo,  porque é um método que a personalidade emprega para se alinhar e enfocar a atenção no plano mental.


Etapa II:

Depois de responder estas três perguntas, à Luz da alma, dizer com ênfase:

“Esquecendo-me das coisas que ficaram para trás, me esforçarei em direção às minhas possibilidades espirituais mais elevadas. Eu me dedico novamente ao serviço Daquele que Vem e farei tudo o que puder para preparar as mentes e os corações de todos os homens para tal acontecimento. Não tenho outra intenção em minha vida”.

 

 

P A U S A
 

Etapa III

1.       Visualizar a situação mundial da melhor maneira que puder, de acordo com o interesse e o conhecimento que possui dos assuntos do mundo. Visualizar a massa humana brilhando com uma luz tênue e também pontos de luz mais brilhantes aqui e ali, onde membros do Novo Grupo de Servidores do Mundo e homens de intenção espiritual e de corações amorosos trabalham para o bem dos seus semelhantes.

 

2.       Visualizar, por meio da imaginação criativa, a vívida luz da Hierarquia que flui para a humanidade, fundindo-se lentamente com a luz que já está nos homens. Pronunciar, então, a primeira estrofe da Grande Invocação:

Desde o ponto de Luz na Mente de Deus,
Que aflua luz às mentes dos homens
Que a Luz desça à Terra.

 

3.      Refletir sobre o reaparecimento do Cristo. Não importa o nome com que Ele é designado nas diversas religiões mundiais, pois Ele é sempre a mesma Grande Identidade. Refletir e ponderar sobre os possíveis resultados do Seu reaparecimento. Pronunciar a segunda estrofe da Grande Invocação:

 

 

Desde o ponto de Amor no Coração de Deus,
Que aflua amor aos corações dos homens
Que o Cristo retorne à Terra.
 

 

4.       Procurar concentrar firmemente a sua intenção de servir e difundir amor a tudo que o cerca e compreender que, até onde lhe for possível fazer estas coisas, fundirá sua vontade pessoal com a Vontade divina. Pronunciar a terceira estrofe da Grande Invocação:

Desde o centro onde a Vontade de Deus é conhecida,
Que o propósito guie as pequenas vontades dos homens,
O propósito que os Mestres conhecem e Server.

 

5.      Considerar o que pode ser feito de maneira prática durante a próxima semana para acelerar a preparação para a vinda do Cristo.

 

 

P A U S A

 Entoar o OM três vezes, dedicando a personalidade tríplice ao trabalho de preparação.

OM                           OM                           OM

Extraído do livro Discipulado na Nova Era II, pág. 202-204, de Alice A. Bailey  




Gostaríamos de receber adesões meditativas no sentido indicado acima. Agradecemos o apoio a este processo em todos os aspectos.

 

 

Entre para solicitar os seus cartões